• Mi cuenta
  • Envío 24h en península antes de
Busca tu tienda MASmusculo
  • 910 60 96 55 910 60 96 55
    LUN-VIE: 9:00 - 19:30

Vitaminas Fitness 2ª Parte| Vitamina D e desenvolvimento muscular.

Vitaminas Fitness 2ª Parte|Vitamina D y su Función Muscular

Num artigo anterior, Vitaminas Fitness Parte 1ª, falámos de todas as vitaminas e das suas generalidades. Neste vamos desenvolver a Vitamina D e a sua implicação no desenvolvimento muscular.

Vitamina D e a sua implicação no desenvolvimento muscular.

A vitamina D é um nutriente que é necessário para a saúde. Entre as suas principais funções está a de ajudar o corpo a absorver o cálcio dos alimentos e seus suplementos. Além disso, entre outras das suas funções importantes, esta é exigida pelos músculos para os seus movimentos. Existem 2 formas básicas da D:

  • Vitamina A D2 (ergocalciferol), que se encontra nas plantas como produto da radiação ultravioleta sobre o ergosterol;
  • E vitamina a D3 que tem a sua origem no desidrocolesterol, produzido pela radiação ultravioleta, depois de passar transitoriamente pela provitamina D31. Vitamina D3 Pode sintetizar-se na epiderme humana ou ingerir-se com os alimentos ou suplementos.

O termo vitamina D refere-se a ambas: D2 e D3.

Precursor: O ergosterol o 7-deidrocolesterol

O ergosterol é o precursor da D2 e o 7-deidrocolesterol da D3. A D3 produzida na pele por ação da radiação ultravioleta tem lugar na epiderme mediante um processo fotoquímico que gera uma provitamina D3 que se isomeriza espontaneamente num processo que depende da temperatura. Esta produção é auto regulada, de forma que quando se alcança uma certa concentração, a provitamina D se isomeriza para formas inertes ou volta a transformar-se em 7-deidrocolesterol.

Metabolismo

A vitamina D3 é uma molécula cuja atividade biológica consiste em ser precursor de outros metabolitos. Podemos ver um resumo do seu metabolismo no seguinte esquema:

imagen 1 vitamina D (portugués)

Figura 1. Metabolismo a Vitamina D (1)

Mas além do que foi dito anteriormente, a vitamina D tem efeitos sobre o músculo liso. Depois de vários estudos de diversas doenças como a osteomalacia, notou-se que um dos sintomas predominantes era a debilidade muscular. (2)

Vitamina D3 exerce efeitos que modulam a entrada do cálcio no músculo, influência na contração dos músculos o síntese de proteínas musculares.

Ficou demonstrado que o calcitriol (forma ativa da D3) exerce vários efeitos nos sistemas transportadores e nos canais iónicos da membrana plasmática e retículo sarcoplásmico que modulam a entrada do cálcio no músculo, isto é, têm influência na contração dos músculos. Também existem efeitos clínicos da D no músculo estriado. Estando relacionado este músculo com o 25(OH)D3 ou calcidiol (metabolito da vitamina D3). Há 2 estudos disponíveis que indicam um importante efeito da 25(OH)D3 na síntese de proteínas musculares. (3)

O consumo de a vitamina D é essencial para muitas funções vitais. Mas qual é a dosagem recomendada?

Como vimos ao longo deste artigo, o consumo de a vitamina D é essencial para muitas funções vitais. Mas qual é a dosagem recomendada? As recomendações do Comité de Nutrição e de Alimentos dizem que as dosagens são as seguintes (4):

imagen 2 vitamina D (portugues)

Mais concretamente, a necessidade diária situa-se em 5 mg/dia para um adulto sedentário, enquanto para um desportista não é necessário que ultrapasse os 25. A vitamina D existe em muito poucos alimentos, como o peixe gordo, o queijo, cogumelos e as gemas de ovo; pelo que é aconselhável tomar suplementos para chegar às dosagens recomendadas, que podem ser vitamina D3 o Vitamina D3 (colecalciferol).

Vocês alguma vez tomaram a D? E como se sentiram? Em breve veremos que também são necessárias outras. Lá nos encontraremos!

Bibliografia Vitaminas Fitness 2ª Parte| Vitamina D e desenvolvimento muscular

(1)    Vitamina D: ¿un nuevo factor de riesgo cardiovascular? Revista Clínica e Investigación en Arteriosclerosis, Juan Pedro-Botet. Vol. 22. Núm. 02. Marzo 2010 – Abril 2010
(2)    Historia de los mecanismos fisiológicos y bioquímicos de la vitamina D. Revista colombiana de reumatología. Antonio Iglesias Gamarra, José Felix Restrepo Suárez.
(3)    Vitamina D y función muscular. Revista española de enfermedades metabólicas Oseas. S Guadaliz, E Jodar.
(4)    Vitamina D. National Institutes of Health. Office of Dietary Supplements.
(5)    Vitamina D. Acciones. Nuevas aplicaciones en prevención de salud. Antonio Moreno Martínez, Victoria López Gómez.
(6)    Un comentario sobre Pros y Contras de la terapia con Vitamina D como suplementos Cardiovasculares. Rev. Costrarric. Cardio Vol 13 n.1 San José Jun, 2011. Thomas F. Whayne Jr.


Escribir un comentario

Su dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados *

Información básica de protección de datos. Responsable del tratamiento: Osuna Sport SL. Finalidad: publicación de preguntas / comentarios. Base legitimadora: Consentimiento del interesado. Ejercicio de derechos e información ampliada sobre protección de datos en política de privacidad